Volume: aprenda a analisar esse indicador e potencialize seus trades

Pontos-chave:
  • O volume é um indicador que analisa a quantidade financeira que foi negociada durante um determinado período.
  • É um indicador muito útil para identificar a força de uma tendência: movimentos de preço com baixos volumes de negociação podem indicar uma tendência fraca, enquanto que movimentos com alto volume indicam tendências fortes.
  • Para analisar se a força de uma tendência pode ser útil verificar a média móvel do volume: se ela estiver acima do volume negociado, é uma tendência fraca, já se a média móvel do volume estiver abaixo do volume atual, é uma tendência forte.

O volume de negociações é uma informação essencial para um trader. Ele é o montante financeiro de um ativo que foi comprado e vendido, em um determinado período, no mercado de capitais.

A análise do volume financeiro, junto com o preço, pode trazer indícios de como o mercado está se comportando em relação ao ativo em questão. Desta maneira, é possível se antecipar e perceber uma tendência de alta ou baixa. 

O volume pode alterar os sinais de alguns importantes indicadores e compreender esta informação gráfica é fundamental para melhorar a performance do trader. 

Siga abaixo com a leitura e veja como o volume financeiro é um dos fatores de relevância para o alcance de mais resultados em seus investimentos. 

O que é o volume?

Já leu no jornal que um determinado ativo movimenta todo ano “N” bilhões de dólares? Já escutou que o Índice Bovespa movimentou “X” bilhões de reais em um único dia? Se a sua resposta for sim, então você já está familiarizado com o volume. 

Volume, formalmente chamado de volume financeiro, é a quantidade comprada e vendida de um ativo ou conjunto de ativos em um período estipulado. 

Para entender melhor, digamos que você compre 500 PETR4 (PETROBRAS PN N2) a R$20,00. O volume desta transação é 500R$20,00=R$10.000,00. Agora vamos supor que você venda por R$21,00 em seguida, obtendo lucro. Isso nos permite calcular 500R$21,00=R$10.500,00 para a operação e R$10.500,00+R$10.000,00=R$20.500,00de volume financeiro movimentado no dia. 

Ao combinar todas as operações de um ativo feitas no dia, temos o volume diário do papel. Assim, o volume semanal, mensal e anual, é a soma de todas as operações realizadas no período de uma semana, mês e ano, respectivamente.

O volume costuma ser plotado num gráfico de barras no fundo ou abaixo dos preços. Em alguns home brokers é comum também ter uma média móvel do volume para identificarmos mais rapidamente uma alta ou baixa significativa. Comumente se utiliza a cor verde para representar o volume em períodos de alta e a cor vermelha para períodos de baixa.


Legenda: Gráfico de cotação da VALE3 e volume (abaixo) com sua média móvel (linha laranja). Fonte: TradingView

Como usar o volume para os seus trades?

O volume por si só não vai te dar sinal de entrada e saída para seus trades. Entretanto, assim como a movimentação de preços, ou price action, ele mostra ótimas dicas do que está acontecendo com o mercado no momento.

Por exemplo, vamos dizer que o preço da BIDI3 (BANCO INTER ON N2) suba abruptamente e, ao olharmos o volume do ativo, a movimentação diária seja muito abaixo da média móvel. Esse papel já é conhecido por não ter grande volume financeiro e tem menos registro ainda nesse movimento. Pode ser um indício de que foi uma movimentação forçada por algum player do mercado e que deva se corrigir em breve, já que não foi acompanhada pelos outros investidores. Ou pode ser também um insider trader que obteve informações adiantadas e agiu antes dos outros. De qualquer forma, é preciso ficar alerta para os próximos movimentos.

A falta de volume pode revelar algumas fraudes também. Apesar de mais difíceis em mercados regulados, são famosos os esquemas de pump e dump. Isto acontece quando algum trader grande ou um conjunto de traders escolhem um ativo ilíquido e compram em conjunto para o preço subir rápido, o pump. Essa injeção de poder de compra abre os olhos de quem procura um ativo que está subindo e acaba entrando para aproveitar a tendência, que no fim é uma falsa tendência de alta. Assim que o preço sobe mais um pouco, os que anteriormente compraram vendem tudo, realizando os seus lucros e criando assim uma pressão de queda, o dump


Legenda: EUCA3 apresenta enorme ascensão de volume junto de seu preço, para dias depois sofrer vigorosas correções. Fonte: TradingView

Além de volumes crescentes ou decrescentes, que podem indicar a força ou exaustão de uma tendência, outro indício que vale prestar atenção são os picos de volume: eles podem indicar algum movimento incomum no backstage. Pode ser um movimento grande num mercado de balcão, que não é percebido no livro de ordens da bolsa ou uma troca de acionista majoritário. Fique atento, pois mudanças bruscas no volume do ativo podem indicar uma grande força dos movimentos de tendência.

Indicadores famosos que consideram o volume

A grande maioria dos indicadores usa somente o preço do ativo para indicar seus sinais, entretanto alguns consideram o volume em seu cálculo. Alguns dos mais famosos são:

OBV (On Balance Volume)

O OBV é um indicador que considera o saldo do volume de cada período de acordo com a movimentação diária do papel. Ele é a soma dos volumes dos dias positivos menos os volume dos dias negativos. É  uma forma de entender se o volume está fazendo um papel altista ou baixista. Se há uma ascensão desse indicador, há uma sinalização de alta do ativo.


Legenda: VALE3 rompe resistência do OBV (linha em azul) e dá início a uma tendência de alta. Fonte: TradingView

VWMA (Volume Weighted Moving Average)

As médias móveis são um dos principais indicadores utilizados pelos traders para tentar antever tendências do mercado. As médias aritméticas dão o mesmo peso para os mesmos períodos, enquanto que as exponenciais dão um peso maior para períodos mais recentes. Já a VWMA dá um peso para a média de acordo com o volume. Ou seja, grandes investidores terão um peso bem maior nessa média.


Legenda: VWMA (linha laranja) atuando como suporte da tendência de alta em VALE3. Fonte: TradingView

Dica Smartt

Ao compreender movimentos de volume financeiro você pode enxergar, de um jeito mais simples, a força de uma tendência ou até mesmo se um breakout é falso. Um robô que aplica esse conhecimento, de forma automatizada, pode conseguir resultados excelentes. Quer investir com robôs de forma totalmente automatizada? Conheça a SmarttBot!.SmarttBot: nossa tecnologia às suas ordens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>